13.3.10

Ziraldo diz que escola ensina muito conteúdo inútil

FOTO: Sílvio Tito (Secom)

O Ensino Fundamental está errado, porque obriga os alunos a aprenderem conteúdos que não têm utilidade. Esta foi a ideia transmitida pelo escritor Ziraldo, que fez palestra para cerca de 1.500 professores em Feira de Santana, no lançamento de um programa de incentivo à leitura na rede municipal.

Como exemplo de conteúdo inútil, o escritor citou o ensino do sujeito e predicado de uma frase. “Eu não sei muitas coisas. Mas sei ler e escrever. A escola só precisa ensinar a ler, escrever e contar”, recomendou. Para demonstrar como a educação atual não produz bom resultado, Ziraldo lembrou as péssimos notas obtidas pelo Brasil em testes internacionais de avaliação de aprendizagem, como o PISA, no qual o país fica sempre entre os últimos colocados.

Segundo o autor, o currículo das escolas não muda porque as pessoas preferem usar o que já encontram pronto, ao invés de criar. “Depois, diante do resultado, dizem como Goering (general nazista), que estavam apenas cumprindo ordens”, analisou.

Ele ressaltou que para muitos alunos da cidade, os livros que receberão por meio do programa lançado ontem serão os primeiros da família, incluindo os pais quando eram crianças. “O livro é a mais fantástica invenção do homem e a única pessoa que você pode levar para o banheiro”, brincou.

Para incentivar em casa o hábito da leitura, o autor recomendou que em primeiro lugar os pais leiam para dar o exemplo e como segunda medida, devem ler histórias para os filhos na hora em que vão dormir.

Após fazer sua descontraída apresentação em cerca de meia hora, com direito a alguns palavrões e onde gabou-se de aparentar menos que seus 78 anos, Ziraldo deu início a uma sessão de autógrafos. Porém logo teve que interromper e se retirar passando mal devido ao intenso calor no auditório sem refrigeração onde ocorreu o evento que começou às 14:30.

CAIXA DE LIVROS

O programa adotado pela prefeitura foi comprado junto à editora que publica os livros do palestrante. Todos os alunos da 1ª, 3ª e 5ª séries do Ensino Fundamental receberão um kit com 12 obras de Ziraldo. Os professores participam neste final de semana de oficinas para treinamento de atividades que podem ser desenvolvidas em sala de aula a partir das obras literárias.

É o segundo investimento do município em programas de incentivo à leitura. Feira de Santana assinou no ano passado convênio com A Tarde Educação, por meio do qual exemplares do jornal chegam diariamente a todas as escolas da rede.

 

Posted via email from Glauco Wanderley

2 comentários:

  1. Adriano14/3/10

    O nosso prefeito está de parabéns pela mudança na educação com projetos estratégicos que valorizam o professor e o aluno!

    Triste era ver a educação no tempo de José ronaldo onde os matos cresciam na escolas e mimeográfos estavam no lugar de computadores.

    ResponderExcluir

Espalhe

Bookmark and Share